Todos Contra o Corona Vírus

Caaporã registra mais de 110 casos do novo coronavírus e realiza testes diariamente na população

O município de Caaporã, no Litoral Sul da Paraíba, instalou, no último dia 12 barreira sanitária para evitar a propagação do novo coronavírus. De acordo com dados da Secretaria de Estado da Saúde (SES), em dez dias a cidade registrou 99 pessoas contaminadas.
Desde o dia 6 de maio, até este sábado (16), a quantidade de pacientes com Covid-19 saltou de 8 para 117. No mesmo período uma morte foi registrada.
Ainda segundo dados do Governo da Paraíba, a última quarta-feira (13) foi o dia em que a cidade registrou o maior número de casos, foram 21 em 24h. A quantidade de registros subiu de 54 para 75.
Os números de Caaporã se destacam na região em relação a outros municípios. O Conde, por exemplo, Tem 35 pessoas diagnosticadas. Já as cidades de Alhandra e Pitimbu têm 53 e 29 casos, respectivamente.
Caaporã, segundo o Governo do Estado, recebeu até agora 700 Testes Rápidos.
A secretária de Saúde de Caaporã, Amanda Pereira, informou que todos os pacientes com síndrome gripal estão realizando testes de domingo à domingo. “Temos equipes de plantão e estamos realizando os testes diariamente em nossa população. Além disso, todas as medidas restritivas estão sendo tomadas”, disse Amanda.
Outro agravante, é que a cidade ficou com a lotérica e o Banco do Brasil fechados pelo período de um mês e à população se dirigiu para o município de Goiana, Pernambuco para realizar os saques do auxílio emergencial. Pernambuco é um dos estados do Brasil que vem registando altos índices de contágio.
Tanto a lotérica quanto o banco já voltaram a funcionar normalmente.
No último dia 11, através do Decreto Municipal nº 147/2020, a Prefeitura Municipal de Caaporã, como medida de prevenção à Covid-19, instalou barreiras sanitárias, assim como na divisa com a cidade de Goiana, no estado de Pernambuco.
De acordo com o decreto, está proibido a entrada na cidade de pessoas com quadro febril ou outros sintomas característicos do COVID-19. A aferição da temperatura é feita pelos profissionais da Saúde que atuam nas barreiras sanitárias. Nas abordagens aos veículos, a temperatura corporal dos condutores e passageiros não deve ser igual ou superior a 37,8 graus.
A Prefeitura também suspendeu o funcionamento do comércio, além de atividades nas ruas, praças ou outros locais de uso coletivo e que promovam a aglomeração.
Qualquer tentativa de desobediência, segundo a prefeitura, fica autorizado a guarda municipal realizar a abordagem com o intuito de informar, no entanto, em caso de descumprimento, será solicitado o apoio da Polícia Militar do Estado.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Engenheira pernambucana vai comandar fábrica da Jeep em Goiana (PE)

Vereador Sargento Torres faz requerimento para que seja suspenso por 120 dias o desconto em folha dos empréstimos consignados dos Ativos e inativos da Prefeitura de Goiana