Brasil tem mais de 20 mil casos de COVID-19; 1.124 pessoas já morreram

Os secretários do Ministério da Saúde, João Gabbardo e Wanderson de Oliveira

O secretário-executivo do Ministério da Saúde, João Gabbardo, e o secretário de Vigilância Sanitária, Wanderson de Oliveira

Foto: Marcello Casal Jr./Agência Brasil
O número de casos confirmados do novo coronavírus no Brasil chegou a 20.727 casos, segundo boletim epidemiológico divulgado pelo Ministério da Saúde neste sábado (11). As mortes, que passaram de 1.000 no relatório de sexta, chegaram a 1.124.
Neste último relatório, o Brasil havia registrado 1.056 mortes e 19.638 casos confirmados. Portanto, foram confirmados novos 1.089 casos e 68 novas mortes.
Trata-se do menor número de casos desde terça-feira (7). No começo da semana, a pasta informou que os registros têm ritmo mais lento aos finais de semana e feriados, pela rotina de trabalho das secretarias estaduais de Saúde.
Há uma defasagem permanente nos dados registrados pelo Ministério da Saúde. Isto porque o boletim anunciado diariamente às 17h reflete os registros das secretarias estaduais de Saúde ao longo das 24 horas anteriores.
Outra razão é a própria demora dos testes. Há grande volume de exames sendo analisados e processados, o que amplia o prazo de demora para os resultados. A principal forma de identificação dos óbitos são aqueles casos de pessoas que já tinham sido diagnosticados com a COVID-19 e morreram após piora no quadro da doença.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Engenheira pernambucana vai comandar fábrica da Jeep em Goiana (PE)

Vereador Sargento Torres faz requerimento para que seja suspenso por 120 dias o desconto em folha dos empréstimos consignados dos Ativos e inativos da Prefeitura de Goiana