Postagens

Mostrando postagens com o rótulo BRASIL

PT traça estratégia para amenizar ‘pior cenário’ na sucessão de Arthur Lira na Câmara

Imagem
  Estadão A bancada do PT na Câmara se reuniu para debater a corrida pela sucessão de Arthur Lira (PP-AL) na presidência da Casa. Apesar da resistência do Palácio do Planalto em mergulhar de cabeça na disputa, a avaliação interna foi de que o PT precisa trabalhar para evitar o “pior cenário”, isto é, ter à frente da Câmara a partir de 2025 um nome que se declare adversário do governo Lula. Para isso, já nas primeiras conversas, petistas ressaltam que é preciso apoiar o favorito às vésperas da eleição interna, seja qual for. A mesma estratégia foi adotada em 2023, quando o partido debelou resistências internas e caminhou com Lira. De acordo com interlocutores, foi quase unânime na reunião a portas fechadas a preferência dos deputados por Antônio Brito (PSD-BA). Mas também houve o consenso de que a sigla deve ter cautela nesse endosso, deixando a porta aberta para se aproximar de Elmar Nascimento (União), caso o líder do União Brasil chegue às vésperas da eleição como favorito. Durante o

Ministro das Comunicações de Lula pede ao STF trancamento de ação em que é indiciado por corrupção

Imagem
  Estadão O ministro das Comunicações, Juscelino Filho (União Brasil), pediu na última sexta-feira, ao Supremo Tribunal Federal (STF) o trancamento da ação em que foi indiciado pela Polícia Federal (PF) sob suspeita de cometimento dos crimes de corrupção passiva, organização criminosa, falsidade ideológica, lavagem de dinheiro e fraude em licitação. O pedido será submetido à análise do relator do caso, ministro Flávio Dino. Interlocutores da defesa do ministro confirmaram o teor da demanda feita ao STF. Os advogados de Juscelino alegam que a investigação conduzida pela PF “padece de inconstitucionalidades e ilegalidades insanáveis”. Os advogado reproduziram os argumentos de Juscelino em publicação nas redes sociais após a divulgação do indiciamento. O ministro disse que as investigações repetiram o modus operandi da Operação Lava Jato, que, em suas palavras, “causou danos irreparáveis a pessoas inocentes”. Ele ainda questionou a “isenção” do delegado responsável pelo inquérito. De acor

Marcha da Maconha de SP vai às ruas neste domingo contra a PEC das Drogas

Imagem
  Realizada pela primeira vez em um domingo, a Marcha da Maconha de São Paulo volta a ocupar o centro da cidade neste dia 16 para pedir a legalização da substância e protestar contra o avanço da PEC das Drogas no Congresso Nacional. Domingo é dia de tarifa zero nos ônibus da capital, e com isso a organização espera atrair mais gente para o ato, que neste ano chega à sua 16ª edição. Também estão na pauta da marcha o julgamento da descriminalização do porte de maconha para uso pessoal, que está parado no Supremo Tribunal Federal. Os manifestantes também devem protestar contra a violência policial no estado de São Paulo, principalmente após as mortes das operações Escudo e Verão. A concentração ocorre a partir das 14h20 no Masp (Museu de Arte de São Paulo), na avenida Paulista. Depois a manifestação deve descer a rua Augusta até a rua Dona Antônia de Queirós, para seguir então pela rua da Consolação até a praça da República, onde será encerrada. Na última quarta-feira (12), a Comissão de

PEC das Praias: ‘Ninguém está querendo fechar Ipanema’, diz ministro de Lula

Imagem
  Coluna do Estadão Não fosse o veto do Palácio do Planalto à PEC das Praias, o ministro do Turismo, Celso Sabino, sinaliza nas entrelinhas que estaria disposto a, ao menos, discutir o texto. “Pelo que li no texto, estamos falando de praias inóspitas, que estão fora da rota, não têm infraestrutura. Ninguém quer fechar Ipanema, chegar lá e dizer que a partir de agora ninguém entra”, avaliou à Coluna do Estadão. “Qualquer pessoa que tenha dois neurônios sabe que não é isso”, alfineta. Sob relatoria do senador Flávio Bolsonaro (PL-RJ), a PEC das Praias ganhou ampla repercussão após um barraco nas redes sociais entre o jogador de futebol Neymar e a atriz Luana Piovani. O texto permite à União repassar os chamados “terrenos de Marinha”, uma faixa de terra a 30 metros do mar, a Estados, municípios e até a iniciativa privada. Para ambientalistas, existe aí uma brecha para privatizar o acesso às praias. Na avaliação do ministro do Turismo, foram criadas “versões” sobre a PEC que enterraram a p

Lula ignora alertas e leilão de arroz vira fiasco para sua gestão

Imagem
  VEJA O presidente Luiz Inácio Lula da Silva vinha desde o início do ano manifestando preocupação com a alta do preço dos produtos da cesta básica. Entre novembro de 2023 e fevereiro de 2024, os alimentos foram os principais itens a puxar para cima a inflação — e para baixo a popularidade do presidente. Em março, Lula se reuniu com Rui Costa (Casa Civil), Fernando Haddad (Fazenda), Paulo Teixeira (Desenvolvimento Agrário), Carlos Fávaro (Agricultura) e Edegar Pretto (Conab) para discutir o que fazer. E ouviu que a situação era sazonal, fruto das condições climáticas, e que o preço do arroz iria se estabilizar com a safra que era colhida no Rio Grande do Sul, maior produtor do grão. Em abril, Lula voltou ao assunto ao dizer que se arrependia de não ter já importado arroz da Venezuela para derrubar o preço no Brasil. A tragédia gaúcha fez o presidente tirar a ideia do papel. A medida, no entanto, pensada para ser positiva, abriu nova frente de enfrentamento com o agronegócio, deu origem

Janja defende direito ao aborto legal, diz que projeto é ‘absurdo’ e afirma que Congresso deve garantir acesso no SUS

Imagem
  Por Mônica Bergamo/Folha de S.Paulo A primeira-dama Rosângela da Silva, a Janja, afirmou que do projeto de lei (PL) 1904, que quer colocar um teto de 22 semanas no acesso ao aborto legal, é um “absurdo” e “ataca a dignidade das mulheres e meninas”. A proposta tramita em regime de urgência na Câmara dos Deputados. “Isso ataca a dignidade das mulheres e meninas, garantida pela Constituição Cidadã. É um absurdo e retrocede em nossos direitos”, escreveu a mulher do presidente Lula (PT) na rede X (antigo Twitter). “A cada oito minutos uma mulher é estuprada no Brasil. O congresso poderia e deveria trabalhar para garantir as condições e a agilidade no acesso ao aborto legal e seguro pelo SUS. Não podemos revitimizar e criminalizar essas mulheres e meninas, amparadas pela lei. Precisamos protegê-las e acolhê-las”, disse ainda. “Seguimos juntas, lutando por nossos direitos”. O mérito do PL segue para votação na Casa e ainda precisa ser aprovado no Senado, além de ser sancionado pelo presiden

Número de refugiados no Brasil dobra após força-tarefa no 1º ano de Lula 3

Imagem
  Folha de S.Paulo O número de pessoas que são reconhecidas refugiadas no Brasil mais do que dobrou no final do ano passado, chegando a 143 mil. Em sua maioria, são venezuelanos que fogem das crises econômica e política que vive o país sob Nicolás Maduro. O salto no número resulta de uma força-tarefa implementada pelo Conare, o Comitê Nacional para os Refugiados, durante o primeiro ano do governo do presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT). A terceira administração do petista herdou de gestões anteriores uma montanha de pedidos que aguardavam análise. O órgão analisou mais de 138 mil solicitações de refúgio no decorrer do último ano. São pedidos que haviam sido feitos em 2023 e também em muitos anos anteriores é muito comum no país que solicitantes aguardem por anos uma resposta oficial a seus pedidos. Ao final, o Conare deu luz verde para mais de 77 mil pedidos. Eram, quase todos 97,6% de imigrantes da Venezuela, que entram pelos estados da porção Norte do país. Na sequência, há afeg

PF não localiza presidente do Solidariedade em endereços; político continua foragido

Imagem
  O presidente do Solidariedade, Eurípedes Jr., continua foragido e está sendo procurado pela Polícia Federal. Nesta quarta-feira (12), Eurípedes não foi localizado nem em casa, nem no aeroporto de Brasília, onde ele tinha viagem marcada. O político, que é natural de Goiás, também não foi encontrado no estado. A polícia não descarta nenhum endereço. Até o momento, nenhum advogado ou representante de Eurípedes entrou em contato com a PF para negociar a entrega dele. Seis pessoas ligadas ao Solidariedade foram presas dentro da investigação que apura suposto desvio de R$ 36 milhões do fundo eleitoral, entre elas, a primeira-tesoureira do partido e o marido dela, que é primo de Eurípedes. A investigação é conduzida pela Superintendência da Polícia Federal do Distrito Federal. De acordo com investigadores, os presos já foram encaminhados ao sistema penitenciário. A etapa de depoimentos deve ocorrer neste sábado.

Presidente do Solidariedade é alvo de mandado de prisão da PF por desvio de R$ 36 milhões

Imagem
  CNN Brasil A Polícia Federal cumpre na manhã desta quarta-feira (12), 45 mandados de busca e apreensão e 7 de prisão preventiva por desvio de dinheiro do fundo eleitoral. O principal alvo dos agentes é Eurípedes Júnior, presidente do Solidariedade. Eurípedes, que também foi dirigente do Partido Republicano da Ordem Social (Pros), sigla que se fundiu ao Solidariedade em 2023 – é um dos alvos de mandado de prisão preventiva; dos sete que foram expedidos, apenas o dele ainda não foi cumprido. A PF faz buscas para localizar o político. Os mandados são cumpridos no Distrito Federal, em Goiás e São Paulo, sendo em endereços ligados ao político e locais pertencentes ao Solidariedade. Em Brasília, quatro ex-candidatos a deputados distritais pelo Pros também são alvos de buscas. A PF aponta que as candidaturas foram laranja, para recebimento de dinheiro do fundo partidário. Segundo a investigação da PF, em apenas uma candidatura laranja houve um repasse de R$ 2 milhões. Em outra, R$ 1,5 milhã

Governo e PT batem cabeça sobre proposta uma semana após novo modelo de articulação de Lula

Imagem
  Folha de S.Paulo Membros do governo Lula (PT) e do Partido dos Trabalhadores divergem sobre a análise da proposta de emenda à Constituição (PEC) das Drogas, prevista para ser votada na Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) da Câmara dos Deputados nesta quarta-feira (12). A proposta constitucionaliza a criminalização de porte e posse de drogas. Ela foi apresentada pelo presidente do Senado, Rodrigo Pacheco (PSD-MG), e aprovada por ampla maioria em abril pelos senadores, numa reação ao julgamento do STF (Supremo Tribunal Federal) que pode descriminalizar a maconha para uso pessoal. De um lado, governistas afirmam que o Executivo deve empreender esforços para aprovar matérias da pauta econômica, prioritárias para o governo, e não se desgastar com temas da chamada pauta de costumes, como essa PEC, já que o Congresso Nacional é majoritariamente formado por parlamentares conservadores e inevitavelmente o Planalto será derrotado nesses temas. Um aliado de Lula diz, sob reserva, que o gov

Congresso: festas juninas podem esvaziar pauta do mês de junho

Imagem
  A chegada das comemorações juninas deve, a partir da próxima semana, diminuir o ritmo das atividades parlamentares no Congresso Nacional. Os festejos deste mês movimentam a economia sobretudo em cidades do Nordeste e, em ano de eleições municipais, a presença de deputados e senadores em seus redutos eleitorais é imprescindível. Já na próxima quinta-feira, 13 de junho, comemora-se o dia de Santo Antônio. Na última semana do mês, os dias de São João (24) e de São Pedro e São Paulo (29) costumam esvaziar ainda mais as comissões e plenários do Legislativo. Algumas pautas prioritárias podem ser prejudicadas, tendo em vista que os congressistas só têm aproximadamente um mês antes do recesso parlamentar, que começa em 17 de julho. A expectativa é de que o segundo semestre seja de menor movimento no Congresso, devido aos pleitos municipais. Ao sair da reunião de líderes partidários do Senado Federal na última semana, Tereza Cristina (PP-MS) citou projetos importantes para a pauta dos próximo

Lista para o STJ poderá criar armadilha para Lula

Imagem
  Painel/Folha de S.Paulo A lista tríplice formada para uma vaga de ministro do Superior Tribunal de Justiça (STJ) pode deixar o presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) em uma situação difícil, a depender de quem sejam os indicados. Um dos nomes prováveis para constar da relação é o juiz federal Ney Bello, do TRF-1 (Tribunal Regional Federal da 1ª Região). Ele conta com apoio dos ministros Flávio Dino e Gilmar Mendes, do Supremo Tribunal Federal (STF). Outro bem cotado é Carlos Brandão, também do TRF-1, apadrinhado pelo ministro Nunes Marques. Escolher entre Bello e Brandão, portanto, seria desagradar a alguma poderosa ala do STF. Além deles, Rogerio Favreto, do TRF-4, vem sendo bastante citado. Próximo de lideranças do PT, ele foi o responsável por ter dado uma polêmica decisão que soltou Lula em 2018, depois revogada. Caso o presidente o nomeie, no entanto, poderá ser acusado de aparelhar o STJ. A lista tríplice, formada por desembargadores a partir de pré-seleção do STJ, deve ser

Peão é arremessado e pisoteado por touro durante rodeio em MG

Imagem
  Peão foi arremessado e pisoteado por touro  Foto: Reprodução/Vídeo redes sociais Um peão foi arremessado e pisoteado por um touro, durante um rodeio da Festa Nacional do Milho (Fenamilho 2024), em Patos de Minas, em Minas Gerais. O rapaz, Natan Rodrigues Eduardo, de 25 anos, desmaiou na queda e foi pisoteado pelo animal. Socorrido por brigadistas, ele não apresentava ferimentos e dispensou o atendimento hospitalar. O acidente aconteceu no último domingo (2), e a queda do peão foi registrada em vídeo. As imagens mostram quando ele é arremessado do dorso do touro e é atingido por uma cabeçada pelo animal, O peão cai no picadeiro e começa a ser pisoteado pelo touro. Os brigadistas conseguiram recolher o animal em uma baia e prestaram atendimento ao rapaz, que foi retirado de maca do picadeiro. De acordo com o Sindicato dos Produtores Rurais de Patos de Minas, que organiza o evento em conjunto com a prefeitura, Rodrigues recebeu atendimento no local e estava sem ferimentos. Segundo o sin