Grupo Globo nega que esteja sendo vendido para o Grupo J&F

 

TV Globo Foto: Reprodução

O Grupo Globo, controlado pela família Marinho, negou em nota publicada neste sábado (13) que esteja à venda, conforme noticiado pelo jornal Correio da Marinha. Segundo a empresa, “nunca houve qualquer intenção de venda do Grupo Globo por parte de seus acionistas”.

ADVERTISING

Segundo o Correio, o BTG Pactual, do banqueiro André Esteves, estaria intermediando a venda do Grupo Globo, inclusive com “o agreement para acessar todos os números da empresa”. O provável comprador, de acordo com o Correio da Manhã, seria o grupo J&F, de Joesley e Wesley Batista, por um valor estimado em 25 bilhões de reais.

Ainda de acordo com a publicação, o bilionário Carlos Slim, dono da Embratel, Net e Claro, poderia associar-se à J&F na compra do Grupo Globo, uma vez que, como mexicano, ele não poderia ter o controle de uma empresa de comunicação.

De acordo com a Constituição, um estrangeiro pode ter até 30% do capital total e do capital votante de empresas jornalísticas e de radiodifusão brasileiras. Grandes empresários e empresas do setor até tentam emplacar uma PEC para cancelar essa limitação, mas têm esbarrado justamente na resistência de outros nomes fortes do mercado.

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.