Corte Especial do TJPE dá 5 dias para Prefeitura de Goiana se manifestar sobre pedido de intervenção

A Corte Especial do Tribunal de Justiça de Pernambuco decidiu se acata o pedido de intervenção pedido pelo Procurador Geral de Justiça, Dirceu Barros, no município de Goiana.

Em sessão virtual realizada na tarde desta segunda-feira(06), os desembargadores da Corte Especial do TJPE decidiram que antes de analisar o pedido, a gestão cujo afastamento é pleiteado pelo procurador geral do MPPE, deve ser ouvida.

A Prefeitura de Goiana terá 5 dias úteis para se manifestar, o que deve adiar o julgamento para agosto, já que a Corte Especial só se reúne a cada 15 dias.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Engenheira pernambucana vai comandar fábrica da Jeep em Goiana (PE)

Vereador Sargento Torres faz requerimento para que seja suspenso por 120 dias o desconto em folha dos empréstimos consignados dos Ativos e inativos da Prefeitura de Goiana