Auxílio emergencial será prorrogado por dois meses

Inicialmente, a previsão do Auxílio Emergencial era o pagamento de três parcelas de R$ 600 (R$ 1,2 mil para mães solteiras).
Ministro Paulo Guedes falou sobre assunto na 34ª Reunião do Conselho de Governo - Foto: Marcello Casal Jr/Agência Brasil
Agência Brasil
O ministro da Economia, Paulo Guedes, confirmou nessa terça-feira (9) que o auxílio emergencial será prorrogado por mais dois meses, conforme havia sido anunciado pelo presidente Jair Bolsonaro e que, durante esse tempo, o setor produtivo pode se preparar para retomar as atividades, com a adoção de protocolos de segurança.
“E depois [a economia] entra em fase de decolar novamente, atravessando as duas ondas [da pandemia e do desemprego]”, disse Guedes, durante a 34ª Reunião do Conselho de Governo.
A 34ª Reunião do Conselho de Governo, realizada nessa terça-feira no Palácio da Alvorada.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Engenheira pernambucana vai comandar fábrica da Jeep em Goiana (PE)

Vereador Sargento Torres faz requerimento para que seja suspenso por 120 dias o desconto em folha dos empréstimos consignados dos Ativos e inativos da Prefeitura de Goiana