Home Top Ad

Pandemia: Moradores de Atapuz, em Goiana, ficam apreensivos após morte por COVID-19

Share:


A morte de uma idosa de 66 anos, em decorrência do novo coronavírus, tem deixado apreensivos os vizinhos dela, na comunidade de Atapuz, em Goiana, Mata Norte de Pernambuco. Hipertensa e diabética, a senhora morreu em 7 de abril. A prefeitura afirma que vem tomando todos os cuidados necessários para evitar novas contaminações, tanto na localidade quanto no resto do município.

O veranista Cícero Mendes de Almeida relata que a situação é “preocupante”. “Como é conhecido por todos, houve esse caso de Covid-19 aqui em Atapuz. Tem pessoas com sintomas parecidos que não estão tendo a devida assistência e padecem em suas casas. Além disso, as famílias daqui precisam garantir seu sustento. Isso tudo pode deixar a comunidade ainda mais vulnerável socialmente”, diz.

A secretária da Vigilância Sanitária de Goiana, Margareth Gomes, afirmou que a saúde dos moradores de Atapuz está sendo acompanhada constantemente. Equipes da Vigilância Sanitária e da Atenção Básica estiveram na localidade nesta sexta-feira (10), inclusive. “Todos os dias, de manhã e à noite, fazemos ações de conscientização, para que a população fique dentro de suas casas”, explica.

A prefeitura afirma estar com o posto de saúde da localidade aberto em regime de plantão, todos os dias, além de ter destinado uma ambulância exclusiva, à disposição da comunidade. A família da idosa morta está em isolamento domiciliar, acompanhada pelas autoridades sanitárias, que também monitoram o status da vizinhança. Até esta sexta, nenhum novo caso da Covid-19 foi registrado em Atapuz.

Quanto à questão social, o município distribuiu mais de 50 cestas básicas na comunidade. “A família da idosa que faleceu se recusou a receber, inclusive. Vou mais tarde tentar convencê-los a receber a cesta. Acho importante deixar claro que, em nenhum momento, a Prefeitura de Goiana está omissa naquilo que é seu dever de fazer”, conta Margareth.

Em nota, a Prefeitura de Goiana reafirma o empenho, por meio do Plano de Contingência de Combate à Covid-19: “Uma das primeiras ações nesse sentido foi a criação do Comitê Municipal de Enfrentamento ao Coronavírus, que está coordenando todos os trabalhos. Seguindo decretos municipal e estadual, as escolas e lojas do comércio não essencial foram fechadas e foram distribuídos quase 21 mil kits merenda aos alunos da rede municipal. Também estão sendo doadas mais de mil cestas básicas para famílias de baixa renda”.

“As medidas de higienização foram intensificadas e os trabalhos seguem com a desinfecção regular do Mercado de Ponta de Pedras e das feiras de Goiana e Flexeiras, que agora acontecem somente da quinta-feira ao sábado”, acrescenta a nota.

Nenhum comentário