Goiana: Expansão e mais empregos em fábricas de fornecedores da Jeep em Pernambuco

No próximo mês de abril a fábrica da FCA/Jeep completa cinco anos com cerca de 800 mil veículos produzidos / Foto: Divulgação
Até 2024, número de empresas fornecedoras para a fábrica de Goiana deve crescer de 30 a 50

No próximo mês de abril a fábrica da FCA/Jeep completa cinco anos com cerca de 800 mil veículos produzidos
Foto: Divulgação

Edilson Vieira
edvieira@jc.com.br
FCA/Jeep projeta uma nova expansão no número de fornecedoras de componentes para a fábrica de Goiana. O número de empresas vai crescer das atuais 30 fornecedoras para 50 até 2024. O anúncio foi feito nessa quarta-feira (12) por Antônio Filosa, presidente para a América Latina do grupo FCA. A expansão faz parte dos R$ 6,5 bilhões de investimentos da FCA na planta de Goiana.

"As novas empresas ficarão distribuídas no entorno da fábrica, em vários municípios, e não mais no nosso parque de fornecedores", declarou Antônio Filosa. A estratégia é para melhorar a logística da fábrica principal e reduzir custos de produção e deve ter grande impacto na geração de empregos no Estado. No mês passado, a japonesa Yazaki iniciou a construção de uma fábrica de componentes elétricos no município de Bonito, agreste de Pernambuco, prometendo gerar 1,6 mil novas vagas de trabalho.

No próximo mês de abril a fábrica da FCA/Jeep completa cinco anos com cerca de 800 mil veículos produzidos. "Em 2021 queremos comemorar seis anos da fábrica de Goiana com um total de 1 milhão de veículos produzidos", afirmou Filosa. Ainda este ano a Jeep começa a produzir o quarto modelo feito em Pernambuco, o Compass de 7 lugares, que será o SUV mais sofisticado da linha. A marca também vai renovar os modelos Renegade e Fiat Toro em tecnologia, mecânica e design.


Carro elétrico

O presidente do grupo FCA para a América Latina também anunciou para o final de 2020 a chegada ao Brasil do primeiro carro 100% elétrico da Fiat. O compacto 500, que será importado da Europa. Para o próximo ano, a Jeep quer vender no país uma versão híbrida (elétrica/flex) do Jeep Compass, também importado.

Crescimento

O grupo FCA divulgou um lucro líquido de 500 milhões de euros na América Latina em 2019. No Brasil o crescimento foi de 1,1% em market share. "Para 2020 projetamos um crescimento de 6% na América Latina, puxado pelo Brasil e apesar de uma queda prevista no mercado argentino entre 10% e 15%" afirmou Filosa.

O repórter viajou a convite da FCA.

Comentários

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

Engenheira pernambucana vai comandar fábrica da Jeep em Goiana (PE)

Vereador Sargento Torres faz requerimento para que seja suspenso por 120 dias o desconto em folha dos empréstimos consignados dos Ativos e inativos da Prefeitura de Goiana