Home Top Ad

Mulher é presa suspeita de envenenar filho no Agreste

Share:

Uma mulher está sendo investigada suspeita de envenenar seu próprio filho, de apenas três anos, no bairro Petrópolies , em Caruaru, no Agreste de Pernambuco. Segundo a Policia , a criança foi socorrida pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu-192) e levada para Unidade de Pronto Atendimento Especializado (UPAe) , num bairro vizinho , onde permanece internada.

Itaiane Marisa da Silva , de 30 anos , foi presa nesse domingo (21), por policiais do 1º Batalhão Internado Especializado (Biesp) e encaminhada para a delegacia.

"Recebemos a denúncia de que uma mãe teria envenenado o próprio filho. Ao chegar na UPAe, ela afirmou que realmente teria envenenado o próprio filho. Os agentes do Samu tentaram fazer os procedimentos médicos , mas ela não deixava que a criança fosse atendida", informou o policial.

O delegado , explica que a mulher queria chamar a atenção de um suposto  companheiro dando veneno para a criança. "A mãe afirmou que também ingeriu o veneno  , mas ao perceber que seria inserido sondas no filho passando por um processo incômodo , a mãe disse que ela estava tentando chamar a atenção de um ex companheiro , que é o pai da criança , e na UPA ela afirmou que não era necessário porque não teria feito aquilo", informou.

A criança deve passar por uma série de exames e logo após será analisado para poder confirma se houve ou não a ingestão de material tóxico pela criança. O conselho Tutelar acompanha o caso.

Nenhum comentário