Walter da ETP prestigia a edição do Movimento Levanta Pernambuco

 


O empresário goianense e ex-candidato a vice-prefeito de Goiana na eleição de 2020, Walter Batista, popularmente conhecido como Walter da ETP, esteve neste sábado, 06, prestigiando a edição do Movimento Levanta Pernambuco. 


A iniciativa dos partidos de oposição ao governo do Estado, PSDB – PL – PSC e Cidadania está promovendo debates com a população destacando os problemas e gargalos dos municípios, além de apresentar ideias e apontar soluções.


Walter que também integra o grupo de oposição ao PSB, é entusiasta da pré-candidatura ao governo da prefeita de Caruaru, Raquel Lyra (PSDB).


No encontro, Raquel Lyra abordou os desafios da Mata Norte a exemplo da falta de água, onde a região chega a ficar um mês com as torneiras vazias, conforme apontado pela população de Vicência.


“Imagina se a gente tivesse água, estrada, se a saúde funcionasse direito? O que ouvimos neste encontro de hoje é mais uma radiografia do Pernambuco real, que sofre sem água em casa e sem oportunidades. O nosso movimento representa essa escuta qualificada sobre os desafios que o nosso povo enfrenta e a necessidade de pensar sobre o desenvolvimento de Pernambuco que dialoga com o sonho da esperança de nossa gente”, destacou, Raquel Lyra.


Os prefeitos de Vicência, Guiga Nunes (Cidadania), Vertentes Romero Leal (PSDB); Jaboatão dos Guararapes, Anderson Ferreira (PL); o ex-senador Armando Monteiro (PSDB); os deputados federais André Ferreira (PSC) e Daniel Coelho (Cidadania); o ex-deputado Rildo Braz, os vice-prefeitos, Eder Waltter (Vicência) e Antônio do Egito (Catende), o vereador do Recife, Fred Ferreira (PSC), o empresário Celso Muniz, os ex-prefeitos Nado Coutinho (Nazaré da Mata) e Cido Plácido (Machados) e lideranças de toda a Mata Norte também marcaram presença.


Radar Político365

Fotos: Divulgação.


Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Mulher é assassinada dentro de casa no distrito de Goiana

Em Goiana Adolescente é alvejado por disparos, morre no hospital