TRE rejeita pedido de tropas federais para Alhandra e Fagundes; solicitação para Pedras de Fogo ainda está em análise

 Compartilhar

O Tribunal Regional Eleitoral (TRE) rejeitou dois dos seis pedidos de tropas federais requisitadas para cidades paraibanas. A corte não entendeu necessários reforços na segurança para as cidades de Alhandra, no Litoral Sul, e Fagundes, no Agreste. As matérias foram relatadas pelos juízes Rogério Roberto Gonçalves de Abreu e Arthur Monteiro Lins Fialho, respectivamente.

Outros quatro municípios ainda estão com pedidos de tropas federais pendentes. O caso mais grave é o de Pedras de Fogo, onde a juíza Higyna Josita fez relatos de graves problemas no sistema de segurança pública e, além disso, em relação ao clima de violência na cidade. O caso tem como relator o juiz José Ferreira Ramos Júnior e ainda não entrou na pauta de julgamentos.

Da 30ª Zona Eleitoral, com base em Teixeira, viram os pedidos de tropas federais para as cidades de Desterro e Cacimbas. O caso é relatado pelo desembargador Joás de Brito Pereira. Da 38ª  Zona Eleitoral, com base em Brejo do Cruz, há o pedido de reforço policial para a cidade de Belém do Brejo do Cruz. A relatora é a juíza Micheline de Oliveira Dantas Jatobá.

 

 

Com Blog do Suetoni

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Engenheira pernambucana vai comandar fábrica da Jeep em Goiana (PE)

Vereador Sargento Torres faz requerimento para que seja suspenso por 120 dias o desconto em folha dos empréstimos consignados dos Ativos e inativos da Prefeitura de Goiana