Home Top Ad


Polícia prende DJ Jopin e familiares por sonegação de R$ 65 milhões

Share:
Polícia prende DJ Jopin e familiares por sonegação de R$ 65 milhões
Uma operação policial prendeu suspeitos de lavagem de dinheiro, organização criminosa e sonegação de impostos, que teriam sonegado cerca de R$ 65 milhões. Os alvos da operação Mar Aberto foram as empresas do grupo Ecomariner, que fabricam e vendem embarcações. Logo cedo, cerca de 100 policiais civis saíram para cumprir os mandados.
Oito pessoas foram presas, no início da manhã. Entre elas, o empresário José Pinteiro da Costa Neto, dono de um estaleiro em Suape e uma marina. O filho dele José Pinteiro da Costa Júnior, que atua como Dj Jopin, e o sobrinho, Aníbal Pinteiro, também foram presos durante a operação. Eles são muito conhecidos em festas da sociedade pernambucana.
Segundo as investigações, que começaram em 2017, os alvos são acusados de lavagem de dinheiro, organização criminosa e sonegação de impostos. Outros empresários foram presos durante a operação. Entre eles há, pelo menos, duas mulheres. A maioria dos mandados foram cumpridos no Recife, principalmente no bairro de Boa Viagem, e em cidades da Região Metropolitana. Houve também cumprimento de mandados em São Paulo e na Paraíba.
A produção da TV Jornal ainda não conseguiu contato com os advogados dos suspeitos. A polícia vai dar detalhes sobre essa operação, nesta quinta-feira (9).

TV Jornal

Nenhum comentário