Home Top Ad

Casa de Farinha: Priscila Krause apresenta denúncia ao MPCO contra Geraldo Julio

Share:
De acordo com a peça protocolada pela democrata, chamou a atenção a diferença de R$ 20,58 milhões entre os menores valores ofertados e os finais acertados
A deputada estadual reeleita Priscila Krause (DEM) apresentou nesta sexta-feira (4) uma denúncia ao Ministério Público de Contas do Estado de Pernambuco (MPCO) contra o prefeito do Recife, Geraldo Julio (PSB), por supostos “indícios de irregularidades e ilegalidades cometidas” em novo processo de licitação envolvendo a empresa Casa de Farinha, alvo das operações Castelo de Farinha e Ratatouille, ambas da Polícia Civil.

Visualizar esta foto no Instagram.

Protocolei agora há pouco pedido ao Ministério Público de Contas para que averigue e, dentro de sua competência, solicite ao TCE via medida cautelar suspensão da licitação da merenda da rede municipal de ensino do Recife. Há indícios de irregularidades como conluio entre as empresas, exigências que inibem a ampla competitividade e valor final R$ 20,6 milhões acima dos menores lances. O certame ainda não foi homologado. O fornecimento da merenda pela PCR tem deixado recorrentes lacunas tanto pela qualidade ofertada às crianças e jovens quanto em relação ao zelo com a coisa pública, inclusive sendo alvo nos últimos meses de repetidas medidas de controle determinadas pelos órgãos competentes. É um assunto que merece atenção redobrada e que só deve ser resolvido com base nos princípios da ampla transparência e economicidade. #acompanhamento #merenda #recife #educacao #pernambucomeulugar
Uma publicação compartilhada por Priscila Krause (@priscilakrause25) em 
De acordo com a democrata, há indícios de supostas irregularidades como a exigência, no termo de referência, de peculiaridades que teriam restringido a ampla competição, além de suposto conluio entre as empresas participantes. A denúncia tem como alvo ainda o ex-secretário de Educação do Recife Alexandre Rebelo, que assumiu a Secretaria de Planejamento e Gestão do governo Paulo Câmara (PSB), e a pregoeira integrante da Comissão Permanente de Licitação em Educação, Yoneide Bezerra do Espírito Santo.
“A gente tem visto que é um assunto sensível, que alcança a vida de milhares de crianças e jovens da nossa capital, e que tem deixado lacunas no que se refere ao zelo com a coisa pública, portanto devemos ser ainda mais vigilantes e proativos. Essa é uma pauta que o prefeito se comprometeu ainda em 2012 e que até agora tem incrivelmente apresentado retrocessos como os próprios órgãos fiscalizadores apontam. Quanto mais transparência e esclarecimentos, melhor”, afirmou a deputada ao Blog de Jamildo.

Nenhum comentário