Home Top Ad

Goiana: Após dois anos do curso de Gari, mulheres continuam desempregadas em São Lourenço

Share:
A imagem pode conter: uma ou mais pessoas, sapatos e atividades ao ar livre
As mulheres que participaram do curso de gari no Centro Vocacional Tecnológico (CVT), em São Lourenço, ainda na gestão do Ex-Prefeito Fred Gadelha, no ano de 2016, encontram-se desempregada e sem perspectiva de um futuro chamado, para ingressar na atual gestão.
Cerca de 20 mulheres, todas oriundas do povoado de São Lourenço tiveram seus objetivos frustrados, quando a perspectiva era ingressar no mercado de trabalho, logo após a conclusão do curso de gari oferecido pela Prefeitura Municipal de Goiana (PMG). Já se passaram quase três anos e nenhuma atitude beneficiaria foi tomada em favor dessas mulheres, muitas delas mãe de família.
A gestão atual em janeiro de 2017 denunciou possíveis irregularidades nesses cursos.
"Houve a determinação de suspensão pelo TCE e mesmo assim eles continuaram com os lançamentos", relatou na época o Ex. procurador do município - Alcides França.
Entre os processos licitatórios, segundo a atual gestão, existia no ato da denúncia um no valor de R$363,520 mil reais para oficinas de capacitação realizadas em São Lourenço.

Lourenço Quilombola 

Nenhum comentário