Home Top Ad

Com irmão em coma no Trauma de JP, ex primeira-dama denuncia descaso na unidade e manda recado para Ricardo: “Torça para que ele saia vivo”

Share:
Pâmela Bório diz que há duas semanas o seu irmão sofreu um acidente doméstico, e está em coma por negligência médica

A ex primeira-dama do estado, Pâmela Bório, denunciou através das suas redes sociais situações de descaso e condições mau atendimento no Hospital de Emergência e Trauma de João Pessoa. Pâmela está com o seu irmão, Sérgio Henrique Bório, internado na unidade, após sofrer um acidente doméstico, há cerca de duas semanas atrás. Ela relata que após ocorrido levaram Sérgio ao Trauma, mas, segundo ela, “na base do olhômetro disseram que ele não tinha nada e mandaram ele de volta para casa”.
“Sem nenhum exame. Ele teve que ficar com anti-inflamatórios, sob prescrição médica, até que no último domingo ele passou a vomitar e expelir sangue de toda forma. Veio parar no trauma novamente”, relata nos stories, dizendo que o seu irmão foi diagnosticado com HDA (Hemorragia Digestiva Alta). Segundo ela relata, os médicos não puderam fazer um exame de endoscopia devido a esse agravante.
Segundo ela, foi feita uma endoscopia depois, e feitos outros exames médicos, e a pressão dele tinha sido estabilizada e já estava conversando normalmente os familiares. “Mas na quarta-feira, no horário da visita, já o encontramos entubado e sedado, respirando por aparelhos, e mais sem nenhum exame. Na quinta, a médica relatou que houve derrame da pleura”, prossegue seu relato, mostrando uma foto do quarto recipiente utilizado para a retirada de líquidos acumulados no organismo de Sérgio, além dos aparelhos, acrescentado uma piora no quadro de saúde de seu irmão.
Pâmela relata que o quadro poderia ser amenizado com uma manta térmica, devido a uma hipotermia. Bório diz que desde o último domingo busca transferir seu irmão. “Isso poderia ter sido evitado se há cerca de duas semanas, os médicos tivessem realizado algum exame, quando ele veio pela primeira vez”, diz, em seguida criticando o governador Ricardo Coutinho(PSB).
“Agora me reportando exclusivamente a você, excelentíssimo governador Ricardo Coutinho. Torça para que aja um milagre, no quadro de saúde do meu irmão Sérgio Henrique Bório Júnior, o tio do seu filho Henri”, fala, se referindo ao filho que ela teve com Ricardo. “Eu sei que o senhor não é de orar, de rezar, mas torça, porque ele pode ir, mas eu vou ficar aqui  viva e lutando, por esses que foram ou são prejudicados por esse desgoverno que por onde passou deixou o rastro da maldade, da mentira e da perseguição”, completou Pâmela, em tom bastante crítico.
Após esse relato, Bório cita a falta de macas no Hospital, colocando os prints de algumas matérias que saíram na imprensa paraibana. Até o momento, a direção do Trauma e nem o governador se manifestaram sobre as denúncias.
Redação

Nenhum comentário