Postagens

Mostrando postagens de abril 10, 2011

Pessoas Online

Imagem
Ronaldinho visita vítimas da tragédia em Realengo: 'Foi emocionante' Meia vai a hospital com Patrícia Amorim. Presença do astro mobiliza segurança e causa transtornos na entrada do Albert Schweitzer Ronaldinho Gaúcho e a presidente do Flamengo, Patricia Amorim, estiveram nesta sexta-feira no Hospital Estadual Albert Schweitzer, em Realengo, onde estão internadas duas vítimas da tragédia na Escola Municipal Tasso da Silveira. Ronaldinho e Patricia chegaram acompanhados do secretário de Saúde e Defesa Civil do Rio, Sérgio Côrtes. - Foi muito emocionante. Tinha muita gente em volta, mas conversei um pouquinho com elas (crianças). Soube que queriam me conhecer e estou aqui para dar um apoio nesse momento difícil. Fico feliz por poder dar um pouco de alegria e desejo que se recuperem. Minhas palavras foram essas. Um deles é muito flamenguista, mas não prometi gol. Não sabia como seria sua reação, pois ainda está sob efeito de medicamentos. Ele se emocionou e eu também. O futebol te
Santiago fala sobre presidência do Senado e descarta perda do mandato "É gratificante para mim, para meu Estado e para todos que estão imbuídos do propósito de desenvolver a Paraíba”, disse. O senador Wilson Santiago (PMDB) falou na tarde desta sexta-feira (11) sobre a expectativa de assumir a presidência do Senado Federal, a partir do próximo dia 24 de abril, quando o presidente José Sarney (PMDB) se afastará temporariamente do cargo, “Minha alegria é muito grande, mas com estou com a mesma simplicidade de sempre, do mesmo jeito quando assumir outras funções importantes. É gratificante para mim, para meu Estado e para todos que estão imbuídos do propósito de desenvolver a Paraíba”, disse. Indagado sobre quanto tempo espera ficar no Senado, já que dever perder o mandato para o ex-governador Cássio Cunha Lima (PSDB), que foi o candidato a senador mais votado nas eleições estaduais de 2010, descontraído, Santiago classificou a pergunta como brincadeira e desconversou. “O dia hoje é
Imagem
'Não vamos passar vergonha', diz ministra sobre aeroportos Segundo ministra do Planejamento, Miriam Belchior, Brasil vai 'fazer bonito'. Ela diz que considera contribuição do Ipea, mas tem 'outros parâmetros'. A ministra do Planejamento, Orçamento e Gestão, Miriam Belchior, disse nesta sexta-feira (15) ter "confiança" de que o Brasil não vai "passar vergonha" com os aeroportos na Copa de 2014. "Como sempre, o Brasil vai fazer bonito", acrescentou ela. A avaliação foi feita após o Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea) alertar, nesta quinta-feira (14), que ao menos 9 dos 13 aeroportos brasileiros que estão em obras para a Copa de 2014 não devem estar prontos a tempo de receber o evento. "Consideramos todas as contribuições para o assunto. Temos outros parâmetros. Mas achamos importante ver outros olhares sobre o tema", disse a ministra sobre o estudo do Ipea. Ela participou nesta sexta-feira pela manhã de uma reun
Imagem
Wilson Santiago assume presidência do Senado e do Congresso Senador comanda as sessões do dia 19 e 20 A ausência do presidente do Senado e do Congresso Nacional, senador José Sarney (PMDB) e da senadora Martha Suplicy (PT) possibilitou que o senador paraibano, Wilson Santiago (PMDB) assumisse a presidência até o dia 24 de abril. Os  trabalhos  dos dias 19 e 20 serão presididos pelo peemedebista, que assumiu a função por ser o 2º vice-presidente da Casa. Wilson Santiago continua no  cargo  de senador até a situação do ex-governador Cássio Cunha Lima for definida pelo Supremo Tribunal Federal (STF). Recebendo mais de 1 milhão de votos, Cássio já demonstrou sua impaciência com a demora no resultado.    da Redação (com assessoria) WSCOM Online
Imagem
Benjamin diz que Maranhão não rejeitou EMBRATUR e ainda analisa cargos no governo Dilma “O que sei é que ele ainda está a analisando qual cargo irá assumir” O deputado federal Benjamin (PMDB), sobrinho do ex-governador José Maranhão (PMDB), revelou nesta sexta-feira (15) que o seu tio não rejeitou  cargo  na EMBRATUR, como foi especulado nos últimos dias. Já sobre a suposta ida para direção nacional do Banco  do Brasil, onde assumiria uma das vice-presidências em Brasília, como foi noticiado hoje, o deputado disse que Maranhão ainda está analisando os cargos oferecidos pela presidente Dilma Rousseff (PT). “O que sei é que ele ainda está a analisando qual cargo irá assumir”, disse. Benjamin disse também esperar que a bancada federal do PMDB honre o compromisso firmado com Maranhão, de que ele irá assumir “um cargo de proa no governo”. “Espero que a bancada federal seja honrada e continue lutando por este compromisso”, disse. Cristiano Teixeira WSCOM Online
Imagem
Lula terá encontro com petistas sobre reforma política Para o PT, Lula vai tirar o debate do Congresso e levar para a sociedade Um dos primeiros compromissos do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva no retorno ao Brasil, após palestra  em Londres e uma escala em Madri, será com a reforma política. Uma comitiva de petistas viaja a São Paulo na próxima segunda-feira (18), a fim de se reunir com Lula e formalizar convite para que ele ingresse no debate em curso no Congresso Nacional. O líder do PT, senador Humberto Costa (PE), acredita que Lula será um grande aglutinador da discussão sobre a reforma, que é questão prioritária para o partido. O PT quer envolver a população no debate para que não se restrinja ao Congresso - onde os demais partidos não querem o mesmo modelo de reforma que os petistas. Nesse contexto, o PT vê em Lula o líder político apto a mobilizar os movimentos sociais e representantes de outros segmentos em torno do assunto. O PT quer Lula à frente das articulações par
Imagem
Dilma determina o fim do sigilo eterno de documentos Dilma Rousseff determinou o fim do sigilo eterno dos documentos ultrassecretos, informa reportagem de Fernando Rodrigues e Fernanda Odilla, publicada na Folha desta quinta-feira.  A presidente ordenou que a base acelere no Senado a aprovação do projeto de lei de direito de acesso a informações públicas, já aprovado na Câmara. A ideia é sancionar o texto no dia 3 de maio. Folha.com
Imagem
Homem que queimou bandeira em Brasília é preso pela Polícia Federal Ele escalou Mastro da Bandeira Nacional, que tem 100 metros de altura O  homem  que escalou o mastro e queimou um pedaço da bandeira nacional na Praça dos Três Poderes, próximo ao Congresso, em Brasília, foi preso no início da tarde desta quarta-feira (13) por agentes da Polícia Federal. No início da tarde, ele desceu do monumento e se entregou. O homem foi levado para a Superintendência da Polícia Federal em Brasília, segundo informou a assessoria da PF. Ele será ouvido por um delegado. Uma equipe de agentes vai periciar o local onde o homem esteve. Os bombeiros ficaram cerca de quatro horas tentando retirá-lo do interior do monumento, que tem 100 metros de altura. A bandeira tem 286 metros quadrados. Junto com ele, foi apreendida uma sacola com um litro de combustível, cordas, fósforos e alimentos, segundo a Polícia Militar, que também participou da operação. O homem anotou o número do celular em um pedaço de papel e
Imagem
Recurso continua na PGR aguardando parecer para devolução a Barbosa “O Recurso está na PGR aguardando parecer para devolução ao gabinete” O Recurso Extraordinário interposto pela defesa do ex-governador Cássio Cunha Lima (PSDB), no Supremo Tribunal Federal (STF), para tomar posse no Senado Federal, continua na Procuradoria Geral da República (PGR), aguardando parecer para devolução ao gabinete do ministro relator Joaquim Barbosa. A informação foi dada na tarde desta quarta-feira (13) pelo chefe de gabinete de Joaquim Barbosa, Marco Aurélio. “O Recurso está na PGR aguardando parecer para devolução ao gabinete”, disse Marco Aurélio. Cássio foi o  candidato  mais votado para senador nas eleições estaduais da Paraíba do ano passado, mas teve o seu registro de candidatura indeferido pelo TSE e pelo Tribunal Regional Eleitoral da Paraíba (TRE-PB), com base nos dispositivos da Lei Complementar (LC) 135/2010, a chamada Lei do “Ficha Limpa”. Com a decisão do STF, anulando os efeitos da nova Lei
Imagem
Agripino: “O PFL nunca deveria ter mudado de nome” Uma desnecessária troca de nome e ideologia escamoteada por interesses de líderes. Eis os erros do DEM, por José Agripino Em 1998, na reeleição do presidente Fernando Henrique Cardoso, o PFL tinha 105 deputados. Hoje, o DEM tem 43 deputados. Ou seja: em 13 anos, de nome novo e na oposição, o partido reduziu-se a menos da metade do que foi em seu auge. E a perda pode ser ainda maior com o assédio que o DEM vem sofrendo após a criação do PSD. Uma das estrelas do partido, administrador da maior vitrine que restou ao DEM, o prefeito de São Paulo, Gilberto Kassab, deixa o partido para criar sua própria legenda. E leva com ele, entre outros, uma estrela em ascensão: o candidato a vice-presidente da República na chapa oposicionista de José Serra, Índio da Costa (RJ). Kassab em São Paulo era a vitrine que restava ao DEM depois da prisão e renúncia do ex-governador do Distrito Federal José Roberto Arruda, que arruinou seu governo e a reputação

FACEBOOK

BLOG NO YOUTUBE