Stellantis fecha parceria com TIM e Accenture e fábrica da Jeep em Goiana/PE será comtemplada com tecnologia 5G

 


Buscando aprimorar sua produção, a Stellantis fechou uma nova parceria com a TIM e Accenture para instalar tecnologia 5G na fábrica da Jeep em Goiana. A empresa já planeja construir um segundo projeto na fábrica em novembro

A Stellantis, dona da Fiat, Jeep, Peugeot e outras marcas, fechou uma parceria com a consultoria Accenture e com a operadora de telefonia TIM para dar início à instalação de um projeto de conexão 5G na fábrica da Jeep em Goiana (PE). Se trata de um modelo de gestão do ambiente industrial que é composto por uma rede privada, cloud computing e inteligência artificial.

Entenda a função de cada uma das empresas na fábrica da Jeep

O projeto piloto durou três meses para ser instalado, foi elaborado pela Stellantis e as outras duas empresas, e já está integrado ao chão da fábrica da Jeep. A TIM foi a selecionada como a provedora de telecomunicações para fornecer toda a rede 5G e infraestrutura, instalando o núcleo de rede AS na nuvem pública, constituindo um ambiente digital integrado.  

Já a Accenture recebeu a função de integrar essa rede com análise de vídeo de seus ativos Solutions AI for Processing e recursos de automação de imagem para que qualidade da produção do Jeep e a segurança na fábrica sejam aprimoradas.

Projeto 5G com Tim Brasil e Accenture Brasil – Reprodução/Youtube

Em prática, o sistema fará leituras das etiquetas em cada um dos veículos e através dos sistemas de IA, poderá apontar falhas na produção e até mesmo quais itens foram implementados em determinado veículo.

Após a fixação das etiquetas do veículo em sua traseira, uma câmera captura imagens enquanto o veículo transita na linha de produção da fábrica. Com o uso da arquitetura com base no 5G ofertado pela TIM, é transmitido os dados em tempo real para a ferramenta da Accenture em operação na nuvem.

O software de IA da Accenture verifica a conformidade da sigla e informa o resultado em tempo real para os operadores de inspeção de qualidade para que o Jeep seja liberado ou não. Por fim, indicadores de performance orientam os gestores em relação à qualidade do processo de montagem. Sendo assim, há um maior controle sobre todos os itens que estão instalados no carro.

De acordo com o presidente da Stellantis para a América Latina, Antonio Filosa, este é um passo fundamental para transformar a unidade em Goiana na primeira fábrica do setor integrado com base na tecnologia 5G, ofertada pela TIM. É uma conquista que mostra o empenho da Stellantis para inovar sempre focando na qualidade ao cliente.

De acordo com a Stellantis, os aprendizados sistematizados nesta primeira fase serão utilizados em um segundo projeto mais complexo, que terá sua instalação iniciada no mês de novembro.

O tema escolhido é o tráfego de Automated Guided Vehicles. A tecnologia será responsável por controlar a movimentação dos carrinhos automáticos, deixando de lado a instalação de trilhos magnéticos ou físicos no piso. Esse projeto mais complexo utilizará e testará o tráfego mais veloz de dados por meio da rede 5G, aproveitando seus diferenciais de eficiência, como confiabilidade, alta velocidade e baixíssima latência, além de uma alta taxa de transferência de dados

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Mulher é assassinada dentro de casa no distrito de Goiana

Em Goiana Adolescente é alvejado por disparos, morre no hospital