TCE vé indícios de superfaturamento no Hospital de Campanha de Serra Talhada e emite novo Alerta a André Longo


O Conselheiro Carlos Porto, do TCE de Pernambuco, expediu novo Alerta ao Secretário de Saúde do Estado, por suspeita de superfaturamento nas obras do Hospital de Campanha de Serra Talhada. Leiam a integra do Alerta:

OFÍCIO TC/GC03/ Nº. 00166/2020
 Recife, 6 de julho de 2020. 

Exmo. Sr. ANDRÉ LONGO ARAÚJO DE MELO Secretário de Saúde do Estado de Pernambuco 
Rua Dona Maria Augusta Nogueira, 519 - Bongi 50.751-530 - RECIFE - PE 

REF.: ALERTA DE RESPONSABILIZAÇÃO (PETCE Nº 15.236/2020) - DL 103/2020 - Contrato nº 54/2020 (Hospital Campanha Gov. Eduardo Campos) 

SENHOR SECRETÁRIO, 

CONSIDERANDO que incumbe aos Tribunais de Contas, no exercício do controle externo da Administração Pública, exercer a fiscalização contábil, financeira, orçamentária, operacional e patrimonial, nos termos do caput do artigo 70 e do artigo 71 da Constituição Federal de 1988; CONSIDERANDO a Lei nº 13.979, de 6 de fevereiro de 2020, que dispõe sobre as medidas para enfrentamento da emergência de saúde pública de importância internacional decorrente do coronavírus responsável pelo surto de 2019; CONSIDERANDO a Portaria nº 188, de 3 de fevereiro de 2020, do Ministério da Saúde, que declara emergência em Saúde Pública de Importância Nacional (ESPIN) em decorrência da Infecção Humana pelo novo coronavírus (COVID-19), bem como a Portaria nº 356, de 11 de marco de 2020, que dispõe sobre a regulamentação e operacionalização do disposto na Lei nº 13.979, de 6 de fevereiro de 2020; CONSIDERANDO a Resolução TC nº 91, de 13 de maio de 2020, que dispõe sobre os procedimentos para registro, transparência e organização dos processos de contratação emergencial destinados ao enfrentamento da emergência, incluindo os das Organizações Sociais de Saúde (OSS) e dá outras providências; CONSIDERANDO a contratação direta, via dispensa de licitação emergencial, realizada pela Secretaria de Saúde do Estado de Pernambuco para a Construção do Hospital de Campanha Governador Eduardo Campos, no município de Serra Talhada/PE – DL 103/2020; CONSIDERANDO a análise que está sendo realizada por este Tribunal, em sede de auditoria de acompanhamento, que identificou que a supracitada contratação foi ratificada por essa Secretaria no valor de R$ 1.327.311,85 (um milhão, trezentos e vinte e sete mil, trezentos e onze reais e oitenta e cinco centavos); CONSIDERANDO a necessidade de pronto atendimento da situação de emergência e a existência de risco à segurança de pessoas, à prestação de serviços e/ou ao fornecimento de equipamentos e outros bens; CONSIDERANDO o volume de recursos envolvidos e a necessidade de salvaguardar a efetiva realização dos serviços contratados conforme especificado em contrato; CONSIDERANDO que os achados apontados neste Despacho Técnico podem acarretar prejuízo ao erário no montante de R$ 299.382,41 (duzentos e noventa e nove mil, trezentos e oitenta e dois reais e quarenta e um centavos), sendo eles: - Indício de sobrepreço no valor de R$ 149.880,00 nos itens de serviço 3.3, 3.4, 4.1, 4.2 da planilha contratada; - Indício de prejuízo ao erário no valor de R$ 149.502,41, decorrente de ausência de regramento para reaproveitamento, após desmonte do hospital, dos itens comprados, ou seja, não alugados; CONSIDERANDO que os pagamentos da obra serão realizados durante o prazo previsto de seis meses para a sua duração, podendo ser um período ainda menor, de acordo com a necessidade; CONSIDERANDO o risco de lesão ao erário, caso não seja tomada uma rápida providência, ENCAMINHO-LHE o presente Alerta de Responsabilização com o objetivo de que V. Exa. promova as correções dos achados retromencionados e apontados no Despacho Técnico (cópia anexa), sob pena de apontamento de excesso por superfaturamento. Comunico que cópia deste ALERTA será encaminhada para ciência da Secretaria da Controladoria Geral do Estado a fim de que adote medidas de acompanhamento ao seu cumprimento. Por fim, informo que a Coordenadoria de Controle Externo deste Tribunal acompanhará o cumprimento deste ALERTA pelos gestores. 

 Atenciosamente, 

 CONSELHEIRO CARLOS PORTO 
 Relator 

Com Cópia: ÉRIKA LACET Secretária da Controladoria Geral do Estado de Pernambuco



Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Engenheira pernambucana vai comandar fábrica da Jeep em Goiana (PE)

Vereador Sargento Torres faz requerimento para que seja suspenso por 120 dias o desconto em folha dos empréstimos consignados dos Ativos e inativos da Prefeitura de Goiana