Pular para o conteúdo principal

Lockdown: promotor vai recorrer, e chefe do Ministério Público de Pernambuco não vê justificativa científica para isso

Chefe do MPPE alega que não há dados que indiquem necessidade de lockdown no estado, mas promotoria deve recorrer

O lockdown passará a valer a partir de sábado (09), na Bahia - FOTO: ALEXANDRE GONDIM/JC IMAGEM



Em atualização

Após ter seu pedido de lockdown negado pela Justiça do Estado, o promotor de Justiça do MPPE, Solon Filho, deve entrar com um agravo de instrumento para que o Tribunal de Justiça revise a decisão que negou a ação. A Justiça de Pernambuco negou, nesta quinta-feira (7), o pedido do MPPE para a implementação do lockdown no Estado e na capital Recife.
>> Ministério Público pede à Justiça determinação de lockdown em Pernambuco
A decisão do promotor do MPPE de recorrer ao pedido vai contra o que pensa o procurador-geral de Justiça, Francisco Dirceu Barros que, em nota enviada nesta quinta-feira (7), justificou que, conforme análise feita pelo gabinete de crise do MPPE, não há dados científicos que apontem a necessidade de lockdown no Estado de Pernambuco.
>> Justiça nega pedido do Ministério Público e não determina lockdown em Pernambuco
"A posição oficial do Ministério Público de Pernambuco, firmada por seu gabinete de crise, é que, no momento, não há nenhum dado científico demonstrando a necessidade de decretação de lockdown no Estado de Pernambuco. Dados indicam que nos últimos 15 dias o isolamento social passou de 74% para 52,24%, ou seja, houve um relaxamento nos índices de isolamento social, fator que impulsionou um crescimento da propagação do vírus e óbitos. Portanto, o momento é de intensificar os níveis de isolamento social, adotando-se regras mais duras para deter o avanço da pandemia", disse em nota.
>> Entenda o que é um lockdown durante a pandemia do coronavírus
Solon havia solicitado uma medida liminar nesta quarta-feira (6) à Justiça para tentar obrigar governo do Estado e Prefeitura do Recife a aplicar o chamado lockdown, inicialmente pelo prazo de 15 dias, como medida contra a disseminação do coronavírus (covid-19) no Estado.
>> Veja quais estados já decretaram lockdown no Brasil
No fim da noite desta quarta-feira (6), a ação foi distribuída para a 1ª Vara da Fazenda Pública da Capital. Nesta quinta-feira (7), em decisão proferida pelo juiz Breno Duarte Ribeiro de Oliveira, a Justiça de Pernambuco, negou o pedido do Ministério Público de Pernambuco para a implementação do lockdown.


Veja nota do chefe do MPPE na íntegra

Quanto às matérias veiculadas pela imprensa informando que o Ministério Público iria requerer o lockdown no Estado de Pernambuco, o procurador-geral de Justiça Francisco Dirceu Barros esclarece que:
Desde o início da crise provocada pela pandemia da Covid-19, o procurador-geral de Justiça do MPPE instalou um Gabinete de Acompanhamento, sob sua coordenação, composto por vários especialistas nas áreas de defesa da saúde, cidadania, patrimônio público, consumidor, meio ambiente, criança e adolescente, educação, criminal.
Na tentativa de manter a unidade ministerial nessa fase delicada vivenciada pelo nosso país, respeitando a independência funcional, o Gabinete de Acompanhamento da Crise tem expedido várias recomendações aos promotores e procuradores de Justiça, sempre pautadas em argumentos técnicos e científicos firmados a partir de orientações fundamentadas das autoridades sanitárias. E mais, o MPPE reforça a preocupação de observar o momento adequado para adoção de cada medida a ser priorizada pela instituição, sempre com o respaldo das evidências cientificas.
A posição oficial do Ministério Público de Pernambuco, firmada por seu gabinete de crise, é que, no momento, não há nenhum dado científico demonstrando a necessidade de decretação de lockdown no Estado de Pernambuco. Dados indicam que nos últimos 15 dias o isolamento social passou de 74% para 52,24%, ou seja, houve um relaxamento nos índices de isolamento social, fator que impulsionou um crescimento da propagação do vírus e óbitos. Portanto, o momento é de intensificar os níveis de isolamento social, adotando-se regras mais duras para deter o avanço da pandemia.
A decretação de lockdown no Estado de Pernambuco, na visão de todas as autoridades no assunto, seria uma medida de extrema gravidade e que só poderá ser adotada quando todas as demais falharem e quando houver base científica indicando a necessidade da medida. No momento, não há, no gabinete de acompanhamento do Ministério Público de Pernambuco, nenhum dado científico ou debate amadurecido que fundamente a necessidade de se exigir a decretação de um bloqueio total no Estado de Pernambuco.
Importante ressaltar que as instituições republicanas, em Pernambuco, tem procurado agir harmonicamente como manda o texto constitucional, respeitadas as suas independências e competências. Permanentemente, o procurador-geral de Justiça tem se reunido com os representantes de outros poderes, trazendo as demandas, levando as preocupações/sugestões dos integrantes do MPPE e compartilhando as informações oficiais para o Gabinete de Acompanhamento, o qual, como dito, vem orientando os membros em suas atuações.
Neste momento, o posicionamento institucional do MPPE, que deve nortear jurídica e tecnicamente a atuação dos membros, respeitando, por ser evidente, a independência funcional de cada membro, é no sentido de exigir o endurecimento da fiscalização e o fiel cumprimento, pelos gestores públicos e pela sociedade em geral, das medidas restritivas que já foram implementadas.
Reiteramos que, até a presente data, não há qualquer orientação científica que aponte para a decretação de lockdown no Estado de Pernambuco, e caso isso venha a ocorrer, desde logo, o procurador-geral de Justiça vem tranquilizar as cidadãs e cidadãos pernambucanos destacando que sempre será ressalvada a plena garantia de funcionamento e de acesso aos serviços essenciais, como supermercados e farmácias.
O Ministério Público de Pernambuco estará sempre ao lado do cidadão pernambucano, adotando todas as medidas para diminuir o impacto desta crise.

Comentários

BLOG NO YOUTUBE

Visualizações

Arquivo

Mostrar mais

Mais Notícias

Câmara Municipal de Goiana reabre inscrições e divulga novo calendário de atividades do concurso público

Em decorrência do Termo de Ajustamento de Conduta (TAC) nº 002/2022, formulado perante o Ministério Público do Estado de Pernambuco – MPPE, a Câmara Municipal de Goiana está divulgando um novo calendário de atividades do concurso público. A alteração na programação do certame acontece diante da necessidade de alterar os requisitos exigidos para preenchimento das vagas de Técnico de Arquivo. Isto ocorre sem prejuízos para os participantes do concurso. Pois, no site da banca responsável pelo certame (www.upenet.com.br) foram publicados dois formulários, o primeiro para restituição da taxa de inscrição para o cargo de técnico de arquivo, e o segundo para substituição do cargo técnico de arquivo. Além disso, também foram publicados os comunicados nº 4 e nº 5, que tratam da opção para mudança de cargo ou restituição da taxa de Inscrição e dos procedimentos para substituição ou restituição da taxa de inscrição para os inscritos no cargo de técnico de arquivo e reabertura de inscrições, respe

PREFEITURA DE GOIANA REALIZA ENTREGA DE CARTEIRAS DO PROGRAMA DO ARTESANATO BRASILEIRO (PAB)

  A prefeitura de Goiana, através da AD Goiana, em parceria com o SEBRAE, realizou nesta quinta-feira (11.08) a entrega das carteiras do Programa do Artesanato Brasileiro (PAB), em cerimônia na praça João Pessoa, no centro da cidade, para 26 artesãos goianenses. Os que receberam as carteiras, já haviam feito o cadastro anteriormente na própria AD Goiana. O documento é válido em todo o território nacional e garante uma série de benefícios como, formalização de seus trabalhos, participação em feiras, cursos de capacitação e facilidades para aquisição de créditos bancários, dentre outros. "Essa é mais uma valorização da nossa gestão ao setor e à nossa cultura, ampliando as oportunidades e renda para os nossos artistas", avaliou o diretor-presidente da AD Goiana, Carlos Torres Filho. A prefeitura de Goiana busca fomentar o empreendedorismo e reafirma a importância de formalizar essa atividade artesanal no município que já tem o artesanato como referência e relevância no Brasil e

CLAG-CLUBE DE LEITURA E ARTES DE GOIANA, promoveu na sede do IHAGGO um sarau poético

  Na noite deste sábado, dia 13, o CLAG-CLUBE DE LEITURA E ARTES DE GOIANA, promoveu na sede do IHAGGO, Instituto Histórico Arqueológico e Geográfico de Goiana, um sarau poético em homenagem ao casal Janete e Rubens Belarmino, diretores da Nova FM de Goiana, pelo apoio e colaboração na divulgação e valorização da arte e cultura deste importante município da Mata Norte de Pernambuco. Na ocasião o casal se fez acompanhar por Herlon Pontes e pelos comunicadores Jader de Andrade, Laércio Santos e Cabral Filho apresentadores dos programas, Jader na Nova, Para Todos e Show de Bola. Severino Ramos, (Bill) presidente do CLAG, ressaltou a importância desse apoio para a arte e a cultura goianense. O sarau contou com a participação dos poetas Professor Carlos Bomfim, Edivaldo Lima Cordelista e Bill . Além das poesias de Mário Serrano, Professora Mazé Nunes, Laura Sivini e Professora Rose Mary Viegas que fez uma poesia em homenagem ao casal. O Sarau poético teve a participação também de Paulo que

É obra para todo lado! Prefeitura de Goiana muda a realidade dos moradores com pavimentação de diversas ruas

  Quem mora e quem passa por Goiana, vê as obras em andamento por todo lado na cidade. Se destacado pelo seu crescimento planejado. O município que chama a atenção por suas belas praias e belezas naturais, também vive um bom momento na atual gestão que tem elevado o percentual de ruas pavimentadas, seja com asfalto ou calçamento. Estão sendo pavimentadas as ruas no Bom Tempo, Loteamento Guedes, Expedicionário Henrique Fenelon, Rua da Subestação e Rua da Impoeira. O objetivo da gestão do prefeito Eduardo Honório é calçar e Asfaltar o máximo de ruas em seu mandato, estabelecendo uma gestão que vai tirar as famílias da poeira e da lama, oferecendo uma vida com mais dignidade, além de estimular o crescimento da cidade.

Dono de motel mata a tiros suspeito de assalto que teria invadido estabelecimento

  Um dono de um motel matou a tiros de arma de fogo um jovem que teria invadido o estabelecimento durante uma tentativa de assalto, na tarde dessa quarta-feira (10), em Sousa, no Alto Sertão da Paraíba. Conforme o tenente-coronel Guedes informou ao Notícia Paraíba, a Polícia Militar recebeu por volta das 14h0, um chamado denunciando um homicídio no motel, que fica localizado às margens da BR-230. Com isso, quando os policiais chegaram no local encontraram a esposa do proprietário que informou que o marido havia atirado contra o jovem após esse pular o muro do estabelecimento, se dirigir até ele, pedir dinheiro e depois, por não conseguir o que queria, atentar contra avida do homem com duas facas. O local foi isolado para a chegada da perícia e diligências feitas em busca do dono do motel, que ainda não foi localizado. O corpo foi recolhido para perícia e a motivação e autoria do crime seguem sendo investigadas pela Polícia Civil.

É obra para todo lado! Prefeito de Goiana assina ordem de serviços para revitalização de mais quatro praças

Nesta Terça-feira(16.08), o prefeito Eduardo Honório e a secretária de Obras do município de Goiana, Isabella Soares, assinaram quatro ordens de serviço para a revitalização e reforma das praças da Soledade, IV Centenário, Nossa Senhora da Vitória e Luiz Gomes. Na ocasião da assinatura, Eduardo Honório destacou a importância da intervenção a ser realizada nesses espaços públicos de convivência. "Com as benfeitorias, os moradores poderão melhor usufruir de bons momentos de lazer em família". Segundo a Secretária, como lugar de lazer e contemplação, as praças passarão por obras, mas serão preservadas essas características. "O paisagismo, o mobiliário urbano, a iluminação pública e o passeio é que sofrerão mudanças para melhor atender à população goianense. As praças ficarão mais belas e funcionais". O orçamento total para as reformas e revitalização é de R$ 726.130,44 (setecentos e vinte e seis mil, cento e trinta reais e quarenta e quatro centavos). A execução ficará

Prefeito de Goiana poderá concorrer a reeleição em 2024

  Sempre um passo a frente, Goiana já esta de olho nas eleições 2024. O atual  prefeito Eduardo Honório acaba de receber a notícia de que poderá concorrer a reeleição. O Ministério da Justiça foi favorável à nova candidatura do prefeito, o qual atuou como vice da gestão anterior.  Segundo a decisão, a função temporária do vice, na qualidade de mero substituto do chefe da administração, não se confunde com a condição  atribuída ao sucessor, sobre o qual inclusive, recaem as desincompatibilizações e inelegibilidades inerentes ao cargo de prefeito, principal gestor da máquina pública.  Sendo assim, o candidato esteve à frente da gestão local apenas na condição de substituto, sem que verificada nenhuma burla à norma constitucional, razão porque contra ele não deve incidir a restrição prevista na Constituição Federal. Fonte: Fala PE 

Divulgação: Restaurante Ágape

 

Autoescola não será mais obrigatória para tirar CNH

  Compartilhar Atualmente, está em trâmite no Senado Federal, o Projeto de Lei 6485/2019, que trata do encerramento da obrigatoriedade de frequentar autoescola para emitir a Carteira Nacional de Habilitação nas categorias A e B. A proposta é de autoria da a senadora Kátia Abreu. Como mencionado, a proposta visa que a autoescola não seja mais obrigatória para tirar a CNH nas categorias A e B. A  proposta tem como finalidade reduzir os custos abusivos aos cidadãos em até 80%, segundo a autora. Ainda, de acordo com a senadora, em alguns estados brasileiros, o custo para obter o documento chega a mais de R$ 3 mil, sendo que 80% desse valor é embolsado pelas autoescolas, o que deixa a emissão da CNH inviável para muitos brasileiros. No entanto, é importante lembrar que a proposta continua exigindo a realização da prova teórica e prática. Todavia, aprender sobre direção ficará a critério do interessado, que também poderá aprender a dirigir com parentes, por exemplo. O texto também cria uma c

IPSEC (Instituto de Previdência Social Dos Servidores Municipais de Caaporã) realizará o CENSO cadastral

  Na próxima terça-feira dia 16/08/2022 o IPSEC (Instituto de Previdência Social Dos Servidores Municipais de Caaporã) realizará o CENSO cadastral, funcional, social e previdenciário dos servidores públicos ativos titulares de cargo efetivo, dos aposentados e pensionistas. O período de recadastramento será do dia 16/08/2022 a 23/09/2022 e acontecerá no auditório da SECRETARIA DE EDUCAÇÃO, na rua Salomão Veloso, centro, Caaporã-PB. O horário de atendimento será das 08:00h às 17:00h, de segunda à sexta. Os atendimentos para a realização do recadastramento serão feitos pelo mês de aniversário do servidor conforme datas especificadas e divulgadas nas redes sociais. Os servidores deverão apresentar toda a documentação pessoal e de seus dependentes originais. O período de 20/09 a 23/09 será exclusivo para o atendimento aos casos especiais, mediante agendamento que devem ser requeridos no local de atendimento do censo. Em conformidade com o Decreto 108/2022 o servidor ativo, apose