ELEIÇÕES 2022: Com 36 vagas em disputa, confira quem são os favoritos na disputa pela Assembleia Legislativa PB

 

WhatsApp Image 2022 04 14 at 13.06.51 1 - ELEIÇÕES 2022: Com 36 vagas em disputa, confira quem são os favoritos na disputa pela Assembleia Legislativa

As eleições de 2022, devem ser as mais acirradas na história política nacional desde a redemocratização. A disputa por uma das 36 vagas na Assembleia Legislativa não vão deve ficar atrás na emoção e na imprevisibilidade.

Nessa matéria iremos mostrar os favoritos nesse pleito. Nomes consagrados e estreantes, de diferentes ideologias e partidos políticos, todos lutando para conquistar um mandato como Deputado Estadual.

republicanos - ELEIÇÕES 2022: Com 36 vagas em disputa, confira quem são os favoritos na disputa pela Assembleia Legislativa

Republicanos

O partido liderado pelo Deputado Federal Hugo Motta, vem atraindo nomes importantes e tem tudo para se tornar uma das maiores legendas do estado. O Republicanos deve eleger 7 Deputados, misturando novatos e velhos atores da política paraibana.

Adriano Galdino: O ex-Prefeito de Pocinhos, está no terceiro mandato como Deputado Estadual, e é nome certo na Assembleia em 2023. Presidente da Casa Epitácio Pessoa em duas ocasiões, Adriano se filiou ao Republicanos nessa última janela após ficar 12 anos no PSB, a sua entrada no partido foi importantíssima pois Galdino é um dos principais articuladores em angariar novos nomes ao Republicanos e transformar o partido em uma das maiores forças políticas da Paraíba.

Wilson Filho: Líder do governo João Azevêdo na Assembleia Legislativa, Wilson Filho é um dos favorito à reeleição, após dois mandatos na Câmara Federal, o filho de Wilson Santiago se elegeu Deputado Estadual em 2018 na época filiado ao PTB. Após a polêmica saída do seu pai da liderança do partido, Wilson Filho decidiu sair do PTB e após ser cortejado por várias legendas , decidiu se juntar aos Republicanos, um dos principais partidos da base de João Azevêdo.

Michel Henrique: O filho do saudoso João Henrique e da Deputada Federal licenciada Edna Henrique, Michel Henrique, disputa sua primeira eleição, mas já se qualifica como um nome forte na disputa de uma das vagas na Assembleia Legislativa. Mesmo sendo um estreante, Michel tem muita experiência, “Eu sempre participei das coordenações das campanhas dos meus pais, e sempre tive uma boa relação, com os prefeitos, os apoiadores e os correligionários, então pra mim não é novidade, esse meio político”. O ex-líder do PROS na Paraíba, se filiou ao Republicanos junto a sua mãe, ” Conversamos com várias legendas, esperei até abril, mas juntei o compromisso político com o partidário, e no Republicanos, tenho uma aliança forte com Hugo e isso foi crucial na minha escolha”.

Danielle Rodrigues: Filha da Prefeita de Mamanguape, Maria Eunice, Danielle Rodrigues é mais uma das caras novas, na luta por uma cadeira na Assembleia. Danielle quer dar voz a região do Vale do Mamanguape, ” Estamos no começo da nossa caminhada, já são mais de 20 anos sem representantes do Vale do Mamanguape, na Assembleia Legislativa, pelo potencial turístico e econômico que a nossa região tem, temos que ter alguém que trabalhe focado na nossa região, somos mais de 13o mil habitantes, sentimos falta dessa representação na Assembleia e queremos ocupar esse espaço”.

Branco Mendes: O Deputado Branco Mendes foi prefeito da cidade de Alhandra por dois mandatos e, em 2006, decidiu ser candidato a deputado estadual, Mendes já está em seu quarto mandato e é uma das maiores lideranças políticas do estado. O Deputado saiu do Podemos e foi para o Republicanos, com o propósito de continuar na base do Governador João Azevêdo.

Francisca Motta: Com cinco mandatos de deputada estadual e um como prefeita de Patos, Francisca Motta é uma das principais forças femininas do estado. A avó de Hugo Motta, não participa de uma eleição desde 2012, quando venceu a Prefeitura de Patos, após um tempo fora das disputas, a ex-Prefeita volta em 2022 muito bem cotada para se eleger pela sexta vez na Assembleia.

Jutay Meneses: O Deputado Estadual Jutay Meneses já está no seu terceiro mandato na Casa Epitácio Pessoa, um dos veteranos do Republicanos, quando o partido ainda se chamava PRB, Jutay é um dos nomes estabelecidos na Assembleia Paraibana e favorito à reeleição.

psb - ELEIÇÕES 2022: Com 36 vagas em disputa, confira quem são os favoritos na disputa pela Assembleia Legislativa

PSB

A volta do Governador João Azevêdo ao PSB, ressuscitou o partido que estava um pouco esquecido nos últimos anos, a legenda vem angariando novos filiados e já é maior bancada da Assembleia. Os socialistas terão a missão de formar uma grande bancada para fortalecer a base de João em uma eventual reeleição.

Anísio Maia: Liderança histórica do PT no estado, Anísio Maia foi o ator principal na grande polêmica da política paraibana em 2022. A suspensão de seis meses imposta pelo PT em decorrência do lançamento da sua candidatura à Prefeitura de João Pessoa em 2020, foi o estopim para a saída do partido no qual estava desde 1980.

Um dos principais apoiadores do Governador João Azevêdo, Anísio encontrou no PSB um ambiente calmo e acolhedor e é favorito a reeleição.

João Gonçalves: Atuando na Assembleia Legislativa desde 2003, João Gonçalves é nome certo em 2023, ex-Secretário de Articulação Política, o Deputado deixou o Podemos e foi para o PSB, para ser um dos pilares do Governador João Azevêdo no eventual segundo governo do socialista.

Tanilson Soares: Filho do Deputado Edmilson Soares que decidiu não concorrer à reeleição, Tanilson Soares foi eleito duas vezes Vereador em João Pessoa, sendo que em 2020 foi o mais bem votado da capital. Tanilson saiu do Avante e se filiou no PSB nesta janela para seguir os passos do seu pai e continuar o legado da família Soares na Assembleia.

Chico Mendes: Prefeito de São José de Piranhas por duas vezes, Chico Mendes é um dos principais companheiros políticos de João Azevêdo, o ex-Prefeito se elegeu em 2016 ainda no PSB, com a saída do Governador do partido, ele se filiou ao Cidadania onde ganhou a reeleição em 2020, com a volta de João ao PSB, Chico retorna ao partido e tenta a sua primeira vitória em uma disputa estadual.

Tião Gomes: O ex-Prefeito de Areia, é um dos principais atores políticos da Paraíba desde os anos 80, nestas eleições Tião foi mais um Deputado a sair dos quadros do Avante e ir para o PSB. O Vice-Presidente da Assembleia é favorito para a reeleição e tem tudo encaminhado para o seu nono mandato na casa.

Júnior Araújo: Vice-prefeito de Cajazeiras em 2013, Júnior Araújo foi eleito Deputado Estadual em 2018 com 24.093 votos. Júnior foi Secretário de Governo do Estado na gestão de João Azevêdo e junto a Tião Gomes, deixou o Avante e foi para o PSB, por acreditar na formação de uma bancada expressiva de apoio a João Azevêdo na Casa Epitácio Pessoa.

Hervázio Bezerra: Um dos principais articuladores políticos da Paraíba, Hervázio Bezerra foi vereador de João Pessoa por cinco mandatos e secretário de Saúde da Capital entre 2000 e 2004. O veterano do PSB nessa lista, Hervázio é uma importante figura na gestão João Azevêdo e não deve ter problemas, para se reeleger em 2022.

psdb - ELEIÇÕES 2022: Com 36 vagas em disputa, confira quem são os favoritos na disputa pela Assembleia Legislativa

PSDB 

O PSDB está em um momento de reconstrução, a passagem de bastão de Cássio para Pedro Cunha Lima, como principal liderança do partido está em pleno curso, com a candidatura de Pedro ao Governo do Estado.

O partido deve eleger três Deputados, mas espera eleger mais nomes, para formar uma base ampla em uma eventual vitória de Pedro.

Camila Toscano: Uma das principais opositoras do Governo na Assembleia, Camila Toscano é nome certo em 2023. A filha do saudoso Zenóbio Toscano tenta emplacar o terceiro mandato como Deputada Estadual, pautada em um discurso voltado a maior representação feminina nos cargos eletivos e no simbolismo de ser uma das principais figuras da renovação do PSDB na Paraíba.

Fábio Ramalho: O ex-Prefeito de Lagoa Seca Fábio Ramalho, é uma das apostas do PSDB para às eleições de 2022. A sua renúncia foi um dos principais eventos da janela partidária na Paraíba, foi nesta ocasião que a aliança Pedro e Efraim foi oficializado para todo o estado.

Com a experiência de 8 anos de gestão na Prefeitura, Ramalho é um dos estreantes, com maior probabilidade de vitória no pleito de outubro.

Manoel Ludgério: Eleito Deputado Estadual pela primeira vez em 2002, Manoel Ludgério saiu do PSD após a polêmica troca na mudança do diretório estadual do partido, com a saída de Romero Rodrigues e a entrada de Daniella Ribeiro nos quadros da legenda.

O Deputado decidiu pela filiação no PSDB e espera continuar por mais quatro anos na Assembleia.

uniao brasil 1 1 - ELEIÇÕES 2022: Com 36 vagas em disputa, confira quem são os favoritos na disputa pela Assembleia Legislativa

União Brasil

Fundado nesse ano, fruto da fusão entre o DEM e o PSL, o União Brasil, já é uma das principais legendas do estado, e tem na figura do candidato ao Senado Efraim Filho a sua principal liderança.

Aledson Moura: O ex-Prefeito de Princesa Isabel e suplente de Deputado Estadual, Aledson Moura, se coloca mais uma vez à disposição do povo paraibano por uma vaga na Assembleia, Aledson e seu grupo deixaram o Solidariedade e se filiaram em massa no União Brasil.

Moura acredita na aliança com Efraim como principal força na sua candidatura, ” A gente precisa nesse momento de um porto seguro, e nós encontramos aqui no União Brasil, Efraim é honrador de compromisso, de palavra, uma pessoa que está perto do povo, que faz a política com democracia”.

Taciano Diniz: O Deputado Estadual Taciano Diniz, tenta à reeleição em 2022, após passar por dois partidos nesses quatro anos de mandato. Eleito no Avante, Taciano era uma das principais lideranças do Solidariedade mas após a mudança no diretório do estadual, decidiu seguir o ex-Presidente Aledson Moura e se filiou no União Brasil, “É um partido com fibra moral, que dá condições de fazer política do jeito certo”, pontua Taciano.

George Morais: Filho do ex- Senador Efraim Morais e irmão de Efraim Filho, George Morais é mais um estreante na corrida da Assembleia Legislativa.

Ex- Superintendente da Semob, George é um nome forte para a eleição de outubro. ” Temos alianças e parceiros fortes na nossa luta como a Prefeita de Itapororoca e o Prefeito de Solânea, iremos levar nossa campanha para a base de Efraim Filho e Efraim Morais, para consolidarmos o nosso nome na disputa por uma vaga na Assembleia”.

pp - ELEIÇÕES 2022: Com 36 vagas em disputa, confira quem são os favoritos na disputa pela Assembleia Legislativa

Progressistas

O partido liderado por Aguinaldo Ribeiro demonstra sua força com uma bancada com três nomes que são favoritos à reeleição e que nas projeções, deve conseguir eleger mais um nome na Assembleia.

Jane Panta: Esposa do prefeito de Santa Rita, Emerson Panta. Jane disputou um cargo público pela primeira vez nas eleições estaduais de 2018 e obteve 21.099 mil votos ficando na primeira suplência, assumindo a titularidade do mandato em decorrência do falecimento do Deputado João Henrique em 2021. Jane tem força na região de Santa Rita e é uma das favoritas no pleito de outubro.

Galego Souza: Galego Souza, entrou na política em 2004 ao ser eleito prefeito do município de São Bento, Em 2008, Galego foi reeleito chefe do Executivo municipal e em 2014 conquistou a vaga de deputado estadual, pelo Progressistas.

Galego foi reeleito para um segundo mandato na Casa Epitácio Pessoa em 2018, e tem tudo encaminhado para uma terceira legislatura.

Dra.Paula: Esposa do Prefeito de Cajazeiras, Zé Aldemir, Dra. Paula já esteve à frente da Secretaria de Saúde do município de Cajazeiras, mas só em 2018 que a médica disputou um cargo eletivo, Ela foi eleita com 27.685 votos.

pt - ELEIÇÕES 2022: Com 36 vagas em disputa, confira quem são os favoritos na disputa pela Assembleia Legislativa

Federação PV – PCdoB e PT

A federação dos partidos de esquerda, pretende ampliar o número de cadeiras na Assembleia, nas nossas projeções a federação emplacaria três nomes, mas uma possível vitória do Presidente Lula, pode elevar os eleitos desse espectro político.

Inácio Falcão: O único Deputado do PCdoB no estado, Inácio Falcão foi vereador em Campina Grande por quatro mandatos, e tenta o seu terceiro mandato na Assembleia.

Após disputar a Prefeitura de Campina Grande em 2020, onde ficou na terceira colocação, Inácio é um dos nomes fortes da esquerda paraibana no pleito de outubro.

Luciano Cartaxo: O ex-Prefeito de João Pessoa, Luciano Cartaxo, já foi eleito deputado estadual, vice-governador e vereador por 4 mandatos. Cartaxo saiu do PT em 2015, e após passar por PSD e PV, volta a sua velha casa, com intenções de formar um PT cada vez mais forte.

Cotado para ser o candidato do partido para o Governo do Estado, com a formação da aliança entre MDB e o PT, que alçou o nome de Veneziano ao posto, Luciano decidiu disputar uma vaga na Assembleia e é um dos grandes favoritos nesta eleição.

Marcos Henriques: O ex-Presidente do Sindicato dos Bancários da Paraíba por três ocasiões, e vereador da capital, Marcos Henriques é um dos principais nomes do PT na Paraíba, uma demonstração da força do vereador no partido, foi o lançamento da sua pré-candidatura que teve a presença do ex-ministro da Justiça, José Eduardo Cardozo.

” Irei completar 5 anos como vereador de João Pessoa, fui candidato a Federal em 2018 e tive um bom número de votos, o Partido dos Trabalhadores decidiu formar uma frente ampla progressista e ponho meu nome à disposição do povo paraibano nessas eleições”.

mdb 2 - ELEIÇÕES 2022: Com 36 vagas em disputa, confira quem são os favoritos na disputa pela Assembleia Legislativa

MDB

O MDB passou por mudanças importantes nesse último ano, o Senador Veneziano Vital é novo Presidente do diretório estadual, a aliança PT e MDB foi formada para a disputa pelo Governo do Estado e houve a saída de nomes históricos do partido, se destacando a ida de Raniery Paulino para o Republicanos.

Anderson Monteiro:  O ex-Prefeito mais jovem da história de Esperança, Anderson Monteiro, foi eleito Deputado Estadual em 2018 na época filiado ao PSC.

Nessa janela partidária de 2022, Anderson decidiu migrar para o MDB, onde se tornou o vice-Presidente do partido na Paraíba, solidificando o seu nome e a sua candidatura nos quadros da legenda.

Ana Cláudia Vital: A esposa do senador Veneziano Vital, foi Secretária executiva da Mulher e da Diversidade Humana e Secretária executiva da Casa Civil, na gestão de Ricardo Coutinho e Secretária do Desenvolvimento e da Articulação Municipal no Governo João Azevêdo.

Ana se candidatou ao cargo de Deputada Federal em 2018, mas não se elegeu, ficando como suplente. Em 2020, foi candidata a prefeita de Campina Grande, mas também não foi eleita, nestas eleições Ana Cláudia se credencia como uma das favoritas a uma das vagas na Assembleia.

solidariedade - ELEIÇÕES 2022: Com 36 vagas em disputa, confira quem são os favoritos na disputa pela Assembleia Legislativa

Solidariedade

O Solidariedade passou por duas mudanças na Presidência do diretório estadual em apenas 4 meses, em janeiro Aledson Moura entrou no lugar de Manoel Júnior, e em março, o Deputado Estadual Eduardo Carneiro se tornou o novo líder do partido, desagradando a ala de Aledson que saiu em massa do Solidariedade.

Eduardo Carneiro: Eduardo Carneiro foi vereador por dois mandatos na Capital, sendo eleito Deputado Estadual em 2018 pelo PRTB.

Eduardo é favorito a reeleição e como novo líder do Solidariedade aposta em um partido forte nessas eleições, ” Conseguimos receber mais de 37 candidatos, o que nos dá a possibilidade de termos 13 pré-candidatos a deputado federal, com o objetivo de elegermos três federais e vários para estadual. Conseguimos montar boas candidaturas. Temos candidatos experientes na política. Todos possuem fortes grupos eleitorais”.

Irmão Cézar: Pastor importante no ambiente evangélico paraibano, o Irmão Cézar foi suplente nas eleições de 2018, filiado ao PSL.

Cézar tomou posse no mês passado, após a licença de João Almeida, o Presidente da União de Mocidade da Assembleia de Deus no Nordeste é uma figura crescente na política paraibana e tem boas chances de conquistar uma das cadeiras da Assembleia em outubro.

pl - ELEIÇÕES 2022: Com 36 vagas em disputa, confira quem são os favoritos na disputa pela Assembleia Legislativa

PL

O partido do Presidente Bolsonaro tem dois representantes certos na Assembleia em 2023, e tenta angariar mais eleitos pautados na força da direita bolsonarista na Paraíba.

Walber Virgolino: O Deputado Estadual, Walber Virgolino, vai disputar a reeleição para a Assembleia Legislativa, como um dos principais nomes da direita no estado. Walber é parte de uma grande aliança, que tentará eleger Nilvan Ferreira, Governador da Paraíba.

” Eu vou defender o meu mandato para Deputado Estadual, eu nem precisaria participar dessa grande aliança, poderia trilhar o meu caminho sozinho, mas sinto que a direita precisa mais do que nunca se juntar, pois não podemos deixar a esquerda tomar conta da Paraíba”.

Caio Roberto: Filho de Wellington Roberto, líder do PL no estado, Caio Roberto se elegeu pela primeira vez em 2010, e já está no terceiro mandato na Assembleia. Após três eleições filiado ao PR, Caio migra para o PL e deve se reeleger  como uma das principais forças da direita no estado.

psd - ELEIÇÕES 2022: Com 36 vagas em disputa, confira quem são os favoritos na disputa pela Assembleia Legislativa

PSD

O PSD passou por momentos turbulentos nessa janela partidária, a polêmica troca de Romero Rodrigues por Daniela Ribeiro, na Presidência do diretório estadual ocasionou um grande entra e sai de políticos do partido, mas dois nomes se destacam e são favoritos ao pleito.

Felipe Leitão: Ex – Secretário de Desenvolvimento Social de João Pessoa na gestão de Cícero Lucena, Felipe Leitão foi eleito Deputado Estadual pela primeira vez em 2018 na época pelo Patriotas.

Após sair do Avante no final da janela partidária, Felipe decidiu ir para o PSD e deve se reeleger nas eleições de outubro.

Emerson ” Mofi ” Machado: O repórter Emerson Machado também era filiado ao Avante e decidiu fazer a troca para o PSD, alegando motivos pessoais.

Candidato a Câmara Federal em 2018, Emerson teve uma votação expressiva em sua primeira eleição e tenta se eleger na Assembleia pautado pela popularidade e pelo extenso trabalho como repórter policial na Paraíba.

Rede 1 - ELEIÇÕES 2022: Com 36 vagas em disputa, confira quem são os favoritos na disputa pela Assembleia Legislativa

Rede 

A Rede Sustentabilidade é um partido que está angariando muitas filiações para às eleições de 2022. Quando João Azevêdo decidiu sair do Cidadania, a Rede foi um dos partidos que tentou atrair o Governador para os seus quadros e tem na figura do Presidente Chió, a sua principal liderança.

Chió: Ex-Prefeito de Remígio por dois mandatos, Chió vem se mostrando uma das principais lideranças da esquerda moderada no estado. Eleito em 2018 por um partido estreante, Chió conseguiu filiar nomes importantes para a legenda nestas eleições, se destacando, o ex-Prefeito de Campina Grande, Félix Araújo, o ex-prefeito de Mamanguape, Doutor Eduardo e Magno de Bá, ex-prefeito de Passagem.

Suplentes: A projeção do Polêmica Paraíba apontou 12 prováveis suplentes para a Assembleia em 2022, são eles:

Pollyana Dutra e Buba Germano PSB                                                                                                                                                                                      Bosco Carneiro – Republicanos
Lindolfo Pires – Progressistas
Pedrito – União Brasil
Tovar Correia Lima – PSDB
Cida Ramos – PT
Eva Gouveia e João Paulo Segundo – PSD
André Gadelha – MDB
Solidariedade – Germana Wanderley
Moacir Rodrigues – PL

Essa projeção, foi feita pela equipe do Polêmica Paraíba ouvindo a opinião de vários especialistas políticos.

Em seu primeiro mandato na Casa Epitácio Pessoa, Dra. Paula foi eleita vice-presidente das comissões de Direitos da Mulher e da Saúde, Saneamento, Assistência Social, Segurança Alimentar e Nutricional e é nome consolidado na disputa em 2022.

Lindolfo Pires: O Deputado Estadual Lindolfo Pires está no sexto mandato na Assembleia Legislativa, e caminha para mais uma reeleição.

Lindolfo deixou para o último de trocas da janela partidária, a sua mudança do Podemos para o Progressistas, o deputado disse que havia estabelecido para a escolha, um partido que vote no governador João Azevêdo (PSB) em outubro. A legenda em que estava filiado, o Podemos, não lhe deu essa garantia.



Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.